Microsoft Accounting 2007 – Teste

O programa usa como motor de base de dados o Sql Server Express edition que também é gratuito.
A instalação (em windows XP) é fácil e intuitiva, a apresentação do programa é excelente… em particular o workflow… se por exemplo queremos passar uma factura existe uma especie de fluxograma com os varios passos para chegar lá…
Em meia duzia de passos temos uma loja on-line que aceita pagamentos com paypal…
Tudo muito bonito e funcional… excepto que o programa só está disponivel em ingles e só não se pode escolher o pais o accounting 2007 assume sempre que estamos nos Estados Unidos e quando apresenta algum dialogo a solicitar morada so aparece disponivel “United States of America”, o que invalida o uso do programa noutros paises, isto se quisermos usar o programa para criar documentos legais como facturas, que seriam invalidas visto a morada apresentada ser diferente da morada verdadeira.

Outro senão é a presença de publicidade em quase todos os formularios da aplicação, o que irrita um bocado, pelo menos a mim, ainda não tive oportunidade de “snifar” o as informações que o programa envia para a microsoft, não sei se envia alguma informação relaccionada com os dados introduzidos pelo utilizador de forma a poder apresentar publicidade dereccionada à area de interesse do mesmo, para já a publicidade que vi refere-se só a serviços relacionados com o Accounting 2007 fornecidos pela Microsoft, a primeira publicidade que aparece é a informar da existencia de uma versão Pro com mais features…
E a loja online facil de criar só é gratuita durante um ano…
Em suma se o programa for usado para controlar finanças pessoais talvez valha a apena creio que para mais nada pelo menos para já visto os documentos imitidos serem apenas validos para empresas americanas e os funcionalidades mais interessantes serem gratuitas por um tempo limitado… esta é a minha opinião para já… mas não há nada como testarem e provarem-me que estou errado…na minha modesta opinião e para quem pretender um programa de facturação gratuito que use por exemplo o Primavera Express (www.primaverabss.com/) ou o Evaristo (www.memoriapersistente.pt) que pelo menos não tem publicidade nao solicitada e estão adequados à realidade Portuguesa e Brasileira… Já usei ambos e tanto um como outros são bons e fazem tudo o que se comprometem a fazer….

2 comentários a “Microsoft Accounting 2007 – Teste

  1. Alex

    Caro Antônio, realmente o MS Accounting 2007 ignora solenemente a realidade brasileira. Nem há planos – que eu tenha lido – sobre alguma versão em português no futuro.

    Estou usando a versão Professional e ela é bem mais parruda que a Express, principalmente com o excelente controle de JOBS integrado ao módulo de faturamento. Mesmo não podendo usar o MS Accounting 2007 para faturar diretamente a clientes, ele pode emitir valiosos relatórios do seu negócio, bem como padronizar a emissão de documentos por meio de templates do Word. Eu, por exemplo, passei a emitir propostas comerciais padronizadas a partir do MS Accounting 2007 e ainda controlo o andamento delas.

    Infelizmente, nada é perfeito, né? Em todos os módulos, você pode visualizar o campo de numeração automática, ou seja, você sabe qual o indice criado no SQL Server. Entretanto, eu precisava que fosse exibido o indexador no módulo JOBS, o que não acontece. Para meu negócio é fundamental eu indexe o follow-up a partir do JOBS.

    Ao abrir o banco de dados, a chave primária está lá, mas não é exibida no programa. Ainda estou vendo uma forma de fazer isso, talvez com alguma macro.

    Ah, quanto a ser em dolar, moleza. Cadastre uma nova “currency” como BRZ e coloque o simbolo como R$. Quando pedir a cotação, coloque 1 para 1 (1 dólar = 1 real). Assim, o programa passa a exibir tudo em REAL nos valores corretos.

    O programa acima de tudo é sensacional. Esperava há muito tempo por algo assim, tão simples e eficiente.

  2. Tiago

    a VIAWEB lançou um software online de gestão comercial que, apesar de não ser gratuito, tem um custo muito reduzido.

Os comentários estão fechados